INTRODUÇÃO BIBLIOGRAFIA AGRADECIMENTOS
 
 
 

VER GALERIA DE FOTOS

 
 

INFORMAÇÕES:

ONÇA-PINTADA
Panthera onca

Foto: Juliana Baladelli Ribeiro
Local: Refúgio Biológico Bela Vista (da ITAIPU), Foz de Iguaçu, PR
Data: julho/2004

AMEAÇADO DE EXTINÇÃO

AMEAÇAS:
Está ameaçada porque ela necessita de uma área bastante extensa para caçar, pois os desmatamentos ainda ocorrem de forma intensa, reduzindo seu hábitat a cada dia. A caça predatória também é uma ameaça. Em Santa Catarina, o único lugar onde ela ocorre é na serra do Mar, na região norte, que ainda tem extensas áreas de floresta Atlântica preservadas. 

DESCRIÇÃO:
Possui aspecto robusto, por ter a musculatura forte e a cabeça grande, é o maior representante dos felídeos registrados para as Américas. O comprimento total, medindo da ponta do focinho até a ponta da cauda, vai de 1,54 a 2,70 m. Chega a pesar de 31 a 158 kg. O macho é maior que a fêmea. A coloração geral é amarelada na região dorsal e esbranquiçada na ventral, possuindo muitas manchas amareladas e pretas espalhadas pelo corpo. A cauda longa, também é manchada, mas na parte final há formação de anéis. Por apresentar também a forma totalmente preta, muitas vezes é chamada de pantera. 

ALIMENTAÇÃO:
Sua alimentação baseia-se em mamíferos, como capivaras, pacas, cutias, veados, porcos-do-mato, antas, mão-pelada, quati, pássaros, anfíbios, peixes entre outros. 

REPRODUÇÃO:
A maturidade sexual é atingida por volta dos 3 anos de idade. A gestação dura cerca de 4 meses e nascem de 1 a 2 filhotes, que são amamentados por até 6 meses, mas permanecem na companhia da mãe por cerca de 2 anos. 

OBSERVAÇÕES:
Habita o interior de matas densas e suas bordas. Pode ser encontrada em áreas abertas, com vegetação baixa. A onça-pintada tem hábitos noturnos ou crepusculares. Sobe em árvores com freqüência, é muito ágil dentro da água e bastante dependente dela. Animal quase sempre solitário e necessita de amplo território para sua sobrevivência. A área de uso de um indivíduo pode variar de 2.200 a 14.200 hectares (1 hectare = 10.000 m2), dependendo do hábitat e quantidade de alimento.
Quanto mais escasso o alimento disponível em uma determinada região, maior é sua área de abrangência. A fragmentação dos diversos ecossistemas, causada pelos desmatamentos, queimadas, uso do solo para agricultura e pastagem, resultando em pequenos bosques isolados, pode ser um dos fatores determinantes para o extermínio deste animal.

 
  • fepema
  • weg
  • frbl
  • johnsonejohnson
  • bvs&a
  • governo_sc
  • avina
  • brazil_foundation
  • portal_social
  • celesc
  • prefeitura_jaragua
  • fujama
  • Doacao Donate