INTRODUÇÃO
 
 
 

AUDIO:

  1. Ouvir
 

INFORMAÇÕES:

CORUJA-MOCHO-DIABO
Asio stygius (Wagler, 1832)

Família: Strigidae
Nome em Inglês: Stygian Owl


Som gravado por Germano Woehl Junior no entorno da sede da RPPN Santuário Rã-bugio, Guaramirim (SC), no dia 29/12/2009


Características
Coruja de tamanho médio para grande, variando de 38 a 46 cm (as fêmeas são maiores), com peso variando de 591 a 675 g e comprimento da asa entre 291 e 380mm

Alimentação
Pequenos mamíferos (ratos principalmente), incluindo morcegos, e aves até o tamanho de pombos. Inclui-se também outros pequenos vertebrados e insetos.

Tem como hábito de caça a investida à presa vinda de um poleiro. Morcegos são caçados em pleno voo.

Reprodução
Pouco estudado.

Durante a corte, é comum macho e fêmea vocalizarem próximos ao local do ninho. Época reprodutiva coincide com a primavera, no hemisfério sul.

Em árvores, usam ninhos de gravetos abandonados por aves de grande porte. Eventualmente nidificam no solo, em uma depressão raza. A fêmea bota geralmente dois ovos brancos, que são exclusivamente incubados por ela.

Os ninhegos são alimentados pelo casal.

Hábitos
Coruja estritamente noturna. Esconde-se durante o dia em densa folhagem ou galho de árvore coberto com bromélias, geralmente perto do tronco.

Quando alarmada, apresenta postura bastante fina e ereta, com “orelhas” (tufo de penas) eretos. Quando em posição relaxada, as “orelhas” permanecem abaixadas e não visíveis.

Bastante territorial: machos vocalizam em seu terrítório, cantando nas copas das árvores

Habitat:
Floresta úmida até semi-arida em áreas montanhosas, com altitudes variando de 600 até 3000 m, localmente talvez até altitudes mais altas se houverem árvores presentes.

Também paisagens semi-abertas com grupos de árvores esparsos e arbustos.

Normalmente não ocorre em áreas baixas (apenas localmente).

Distribuição Geográfica
Do NW do México até a América Central e Caribe, e América do Sul. Faixa entre a Colômbia e o Equador até Missiones na Argentina (região de Mata Atlântica de Interior, ecossistema que se estende até aquele País e que vem sendo muito devastado) e Sudeste do Brasil.

No Brasil, ocorre nos estados do Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, São Paulo e Distrito Federal(Mapa de ocorrência - Avibase)
 
  • fepema
  • weg
  • frbl
  • johnsonejohnson
  • bvs&a
  • governo_sc
  • avina
  • brazil_foundation
  • portal_social
  • celesc
  • prefeitura_jaragua
  • fujama
  • Doacao Donate